Home Artigos Papagaios saudáveis podem viver até 40 anos

Após a autorização do Ibama, muitas pessoas resolveram adotar os papagaio como bichinho de estimação. Entretanto, para tê-lo sem preocupações, é necessário que haja um registro oficial e que a nota fiscal da compra seja emitida.

Os papagaios são muito carentes e querem sempre chamar a atenção, contudo, quanto mais jovem eles forem, mais fácil será de adestrá-los. Quando ele fizer algo certo, pequenos alimentos são ótimas formas de recompensa. Quando forem agressivos ou desobedientes, uma pequena borrifada de água é suficiente para que entendam que erraram.

As espécies mais procuradas são o Papagaio-Verdadeiro e o Papagaio-do-Mangue, que podem viver até 40 anos.

Por viverem em diversos grupos na natureza, os papagaios acabam se reconhecendo por meio de sons, e logo também desenvolveram a habilidade de imitar ruídos. No lugar das cordas vocais, possuem duas cartilagens, conhecida como siringe.

É necessário que o dono ou o treinador tenha paciência em relação ao processo de aprendizagem e pronuncie palavras fáceis. Quanto antes o papagaio for treinado, mais rápido ele começará a falar. Uma curiosidade é que os machos são mais propícios a falar do que as fêmeas.

Para ter um papagaio como pet e acomodá-lo com conforto, procure instalá-lo em ambientes que peguem sol e sombra. É importante certificar-se de que a gaiola seja grande o suficiente para que ele possa abrir as asas, e que o poleiro – item indispensável – seja de madeira, pois os de plástico fazem com que as patas escorreguem, o que pode gerar artrite.

Para sua alimentação, as rações balanceadas são básicas. Frutas, legumes e verduras também podem ser oferecidos.

Entre os problemas de saúde mais comuns estão: pneumonia, sinusite, distúrbios de fígado, conjuntivite e carência nutricional. Dessa forma, é essencial que anualmente haja uma visita ao veterinário e seja feita uma avaliação.

1 resposta para este post

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 34008

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...