Home Artigos Campanha de agasalhos para cães e gatos abandonados

As baixas temperaturas do inverno podem causar graves consequências para os animais que vivem em abrigos, como gripe, resfriado e pneumonia. Pensando nisso, o núcleo Rio da Oscip Ampara Animal (Associação das Mulheres Protetoras dos Animais Rejeitados e Abandonados) resolveu realizar a Campanha do Agasalho, que começou no último dia 10 e vai até o fim do inverno, em setembro.

A necessidade maior, de acordo com a Ampara Animal, é por doação de mantinhas (novas ou usadas), em bom estado, que podem ser deixadas em um dos três pontos de entrega: Pet Fantasy e Club Pet, no Leblon, ou na Academia XGYM, no Recreio. O abrigo beneficiado com os donativos será o CAARP (Centro de Apoio aos Animais de Rua e Particulares), localizado na Penha.

Segundo Denise Vieira Monteiro, sócia da Pet Fantasy e protetora da Ampara Animal, “esta é a primeira edição da campanha, mas estamos muito otimistas e a ideia é repeti-la anualmente. Os abrigos precisam de muita coisa, mas nesta época do ano as mantinhas são muito necessárias porque é também no inverno que eles ficam ainda mais lotados”, explica.

A Ampara Animal

Fundada em 2010, a Ampara Animal é uma Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) sem fins lucrativos, formada por um grupo de mulheres com um objetivo comum: transformar a realidade de cães e gatos rejeitados e abandonados para que sejam tratados com respeito e dignidade.

A instituição ajuda abrigos que recolhem animais nas ruas e passam por dificuldades. A AMPARA faz também captação de recursos para serem distribuídos entre os protetores cadastrados. Ao todo, cerca de 200 abrigos e mais de dez mil animais fazem parte hoje dessa rede de solidariedade.

Além disso, a instituição promove ações de adoção e, sobretudo, de conscientização da população para cuidar com respeito dos animais, evitando maus tratos e abandono.

A Associação realiza ainda ações de controle populacional através da esterilização dos animais, principalmente nas comunidades carentes onde vive grande parte deles, a fim de evitar novos casos de abandono e maus tratos.

A Oscip repudia toda e qualquer forma de violência e crueldade contra animais e prega o amor, o respeito e a dignidade a todas as formas de vidas, atuando com ética, honestidade, compromisso e dedicação à causa. Para mais informações, a Ampara Animal disponibiliza o email: contato.rj@amparanimal.org.br.

Doenças no inverno

A traqueobronquite infecciosa dos cães, popularmente conhecida como gripe canina ou tosse dos canis, é uma doença muito comum agora no inverno, causada por uma bactéria que afeta o trato respiratório, principalmente traqueia e brônquios, daí a denominação de “traqueobronquite”.

Segundo Marcela Almeida, veterinária da Pet Fantasy, no Leblon, Rio de Janeiro (RJ), “a doença acomete principalmente aqueles cães que vivem em locais com grande aglomeração de animais, mas um simples passeio à rua ou um breve contato com um cão contaminado já é suficiente pra contrair a doença”.

De acordo com a veterinária, o principal sintoma é uma tosse persistente. “Para evitá-la, o cão deve receber uma primeira dose de vacina aos dois meses de idade, podendo ou não ser seguida de uma dose de reforço após um mês, o que depende do fabricante da vacina, e receber todos os anos uma dose de reforço como forma de prevenção”, explica Marcela.

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 33365

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...