Home SuperDicas Planos de saúde: uma proteção a mais

Quem pensa que ter um plano de saúde é só para seres humanos está muito enganado. Já existem no mercado algumas alternativas para proteger os animais de estimação. Para os donos, esta é uma boa solução para evitar gastos não previstos no orçamento com tratamento médico-veterinário dos pets, incluindo, em alguns casos, cirurgias.

Além de ser uma forma de cuidado com a saúde do animal, o seguro pet também garante proteção em caso de problemas como atropelamento, brigas, envenenamento, ataques de animais selvagens, entre outros.

Ainda recentes no país, os seguros podem variar muito. No caso dos planos mais completos, eles podem cobrir, além de consultas veterinárias, necessidades de cirurgias ou mesmo conter um plano funeral para o pet.

Normalmente, os contratos dos seguros duram um ano, mas oferecem cláusula de renovação automática. Para ter um plano, o cão ou gato, de qualquer raça ou idade, precisa pesar menos de 80 quilos, e seu dono, ter idade abaixo dos 70 anos.

Uma das opções no mercado é o Petplan, que oferece planos com preços a partir de R$ 59,00, envolvendo itens como atendimento para acidentes, doenças, vacinas, urgências e consultas, entre outros. Com cobertura nacional, o Petplan já reúne mais de 50 unidades.

Outra alternativa é o Seguro Pet Mais, que oferece assistência para o animal em caso de acidente a um custo de R$ 12,99, por mês. No ano, o segurado tem direito a fazer duas intervenções. Também oferece traslado em caso de emergências com o pet.

O mercado de seguros para animais de estimação tem um grande potencial de crescimento no país. Dados da Associação Brasileira de Indústria de Produtos para Animais (Abinpet) mostra que, no Brasil, vivem 37 milhões de cachorros e 21 milhões de gatos.

 

 

 

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 35051

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...