Home Artigos Pets trazem benefícios para a saúde dos donos

Que os animais de estimação proporcionam companhia e afeto como um membro da família, todos sabem, mas estudos recentes revelam que além disso, cuidar de um bichinho traz diversas vantagens para a saúde. Confira:

1. Aumento da concentração e interação social

Além de aumentar a autoestima, os animais podem ajudar na interação social das crianças que sofrem de transtorno de déficit de atenção com hiperatividade (TDAH), ao criar uma rotina de atividades diárias, como alimentá-los, dar banho, leva-los para passear etc. As tarefas ajudam com o TDAH e relaxam a criança, que irá se divertir.

2. Diminuição do risco cardíaco

Testes da Associação Americana do Coração comprovaram que uma pessoa que passeia com seu cão, cumpre 55% dos níveis indicados de exercícios diários, melhorando o funcionamento do sistema cardiovascular. Além de manter o coração saudável ao reduzir o risco de doenças cardíacas, a caminhada melhora a disposição.

3. Fortalecimento do sistema imunológico

Pesquisadores da Finlândia acompanharam cerca de 400 crianças do nascimento até o primeiro ano de idade e comprovaram que as crianças que tiveram mais contato com animais, criaram um sistema imunológico mais resistente, diminuindo os riscos de desenvolver uma doença respiratória, como bronquite e asma.

 4. Redução do estresse

Ao acariciar um animal, nosso organismo libera oxitocina, um hormônio relacionado ao vínculo emocional. Esse processo gera uma sensação de calma e bem-estar tanto no homem quanto no bichinho, relaxando e aliviando a tensão.

5. Mais disposição

Segundo um estudo publicado no British Medical Journal, quem convive com um animal tem mais disposição e 82% das pessoas entrevistadas afirmaram que se sentem menos tristes quando estão com seu cão ou gato. Assim como na redução do estresse, ao brincarmos com os animais, os níveis de serotonina e dopamina, responsáveis pelo prazer, aumentam.

Além desses benefícios, os cães também são úteis no acompanhamento de pessoas com diabetes. Ao sentir o odor produzido por uma alteração química, o cachorro consegue avisar quando há uma queda no nível de glicose, o que nem sempre a pessoa consegue detectar a tempo. Existem associações que treinam cães para essa finalidade, a mais conhecida é a Dogs for Diabetics.

 

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 35022

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...