Home SuperDicas “Ouvindo os pássaros cantar…”

Quem não se admira com o canto de um Curió, de um Canário ou de um Azulão? Na verdade, quem não gosta de ouvir um pássaro cantar? Isso transmite paz e tranquilidade, ajudando também em atividades para relaxamento, meditação e terapias.

Só que para virar um pássaro cantor de verdade é preciso muito trabalho. A genética da ave conta, mas o manejo cuidadoso, a convivência com outros pássaros ou mesmo ouvindo CDs com cantos de outros animais é que vai definir a qualidade do canto de um pássaro.

Por exemplo, um dos mais belos cantos é o do Curió. Os criadores recomendam o tripé genética, manejo e alimentação balanceada para fazer deste pássaro um cantor de primeira, com grande valor de mercado.

A estimativa é de que existam cerca de 128 tipos diferentes de canto de Curió, que variam de acordo com a região. Entre eles estão o canto Paracambi, o Praia Clássico e o Timbira Virado. Ouça outros cantos aqui.

E como estamos no final de semana e um bom canto inspira a alma, sobretudo o dos pássaros, aí vai um poema de Mário Quintana para
homenagear estes grandes cantores da natureza. Aliás, poesia e natureza é uma grande combinação.

Pássaros-aves e seus cantos

Os poemas são pássaros que chegam
não se sabe de onde e pousam
no livro que lês.
Quando fechas o livro, eles alçam vôo
como de um alçapão.
Eles não têm pouso
nem porto;
alimentam-se um instante em cada
par de mãos e partem.
E olhas, então, essas tuas mãos vazias,
no maravilhado espanto de saberes
que o alimento deles já estava em ti…

 

 

 

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 35024

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...