Home Artigos Eutanásia em cães e gatos ganha guia

A eutanásia, uma questão sempre polêmica, ganhou um guia para sua prática em cães e gatos. A publicação feita pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) mostra todos os passos necessários para a realização deste procedimento, que deve observar os princípios éticos e a legislação específica.

O guia trata de conteúdo como as obrigações do médico  veterinário, o detalhamento  das etapas dos procedimentos, os  casos em que a eutanásia é indicada, os princípios norteadores da prática, além dos fármacos mais utilizados para a eutanásia  em  cães e gatos.

A eutanásia é a prática que induz à interrupção da vida animal por meio de método tecnicamente aceitável e cientificamente comprovado. O guia especifica em que casos a eutanásia é indicada.

Entre eles estão as situações de saúde irreversível como forma de eliminar a dor; quando existe ameaça à saúde pública; ou quando o animal for objeto de atividades científicas.

O guia lista as obrigações dos médicos veterinários, como executar ou supervisionar o procedimento da eutanásia; dar esclarecimentos aos donos dos animais sobre os atos da eutanásia; solicitar autorização por escrito do responsável legal; e garantir um ambiente tranquilo e adequado para a execução do procedimento.

A publicação relaciona possui ainda oito princípios que devem nortear os métodos de eutanásia. Entre os quais estão: o respeito aos animais; a ausência ou redução de desconforto e dor; a inconsciência imediata seguida de morte; e a ausência ou redução de impactos emocional e psicológico negativos no executor e nos observadores.

Saiba mais: http://portal.cfmv.gov.br/portal/noticia/index/id/3914

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 35593

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...