Home Artigos Notícias Ensino de Medicina Veterinária com visão humanista

O programa de parcerias do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) na área de educação deu mais um passo na semana passada. A entidade assinou um termo de cooperação técnica com mais duas universidades para a implantação do Projeto Estratégias de Ensino-Aprendizagem. São elas: a Universidade de Marília (Unimar) e a Universidade Federal do Pampa (Unipampa), que receberão as primeiras visitas no segundo semestre deste ano. O acordo foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) de quarta-feira, dia 8 de julho.

A iniciativa está em andamento em diversas instituições de ensino do país e visa inserir competências humanísticas nas estratégias de ensino dos cursos de Medicina Veterinária, conforme determinação das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN).

Novas competências

O projeto objetiva formar profissionais mais críticos e flexíveis, desenvolvendo nos futuros médicos veterinários, em conjunto com as competências técnicas, habilidades como Liderança, Atenção à Saúde, Comunicação, Tomada de Decisão, Administração e Gerenciamento e Educação Permanente.

“O CFMV deseja que os médicos veterinários e os zootecnistas sejam, definitivamente, parte integrante da sociedade em que vivem, não só como profissionais, mas também como cidadãos”, afirma o presidente do CFMV, Benedito Fortes de Arruda.

Em 2015, foram incorporadas ao projeto o Centro Universitário Filadélfia (UniFil), em Londrina (PR); o Centro Regional Universitário de Espírito Santo do Pinhal, no estado de São Paulo; a Universidade Luterana do Brasil, em Canoas (RS); a Universidade Comunitária Regional de Chapecó (UNOChapecó), em Chapecó (SC); a Universidade Federal do Piauí (UFPI); e a Universidade do Oeste Paulista (Unoeste).

Histórico do projeto

O projeto tem duração de um ano, com avaliação a cada semestre, e conta com o acompanhamento do CFMV ao longo do processo. O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) tem firmado, desde 2013, termos de cooperação com diversas Instituições de Ensino (IEs) do país com o objetivo de implantar o Projeto Estratégias de Ensino-aprendizagem.

Duas universidades já colocaram em prática a nova metodologia estabelecida pelo projeto: a Universidade de Cuiabá (Unic), em Cuiabá (MT) e a Faculdade Evangélica do Paraná (Fepar), em Curitiba (PR). A última visita realizada pelo CFMV foi na Universidade Federal do Piauí, em Teresina (PI), nos dias 31 de março e 1º de abril de 2015. Na ocasião, o projeto foi explicado à reitoria, ao núcleo de apoio pedagógico, ao coordenador de curso de Medicina Veterinária e aos alunos de graduação da Universidade.

Publicação

Em 2012, um livro sobre o projeto foi desenvolvido e, desde então, tem sido distribuído durante as visitas para ajudar a trabalhar os métodos de ensino. De acordo com a publicação, “o desenvolvimento das competências humanísticas é fundamental na formação do profissional de Medicina Veterinária. As competências humanísticas se diferenciam das técnicas, pois estas se relacionam com a área de conhecimento, as outras com a capacidade de trabalhar em equipes, de exercer a liderança, entre outras”.

Desde a criação do Seminário Nacional de Educação da Medicina Veterinária, a ideia de promover melhorias na formação profissional da categoria tem sido pensada. Ao longo dos anos, o projeto foi discutido não só no Seminário, mas também em palestras, debates e mesas redondas sobre o tema.

O livro está disponível no portal para download.

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 33279

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...