Home Artigos Dieta vegetariana para animais necessita de grandes cuidados

Segundo o Instituto Brasileiro de Opinião Publica e Estatística (Ibope), cerca de 9% da população é vegetariana, ou seja, 17,5 milhões de pessoas, e com isso, atualmente muitos donos vem se preocupando em estender seus hábitos alimentares para seus animais de estimação. No entanto, é necessário que esteja claro que os animais e os humanos possuem necessidades nutricionais diferentes e que isso vem dividindo opiniões entre os veterinários e especialistas em nutrição animal.

O ponto positivo é poder oferecer uma alimentação composta apenas por alimentos naturais, livres de produtos químicos, tão presentes nas rações e nos petiscos industrializados. Entretanto, isso afeta diretamente a condição natural dos cachorros, que assim como os humanos, são onívoros (se alimentam tanto de carne como de vegetais).

Uma das soluções seria oferecer pequenas porções de carne ou frango, corrigindo o déficit de proteína. Já os donos que são resistentes a oferecer produtos de origem animal devem incluir suplementos complementares na dieta dos bichinhos.

A deficiência de proteínas pode causar danos irreversíveis na saúde, como a desregulamentação das funções orgânicas tais como a diarreia, disfunções urinárias, queda ou falta de brilho nos pelos, perda do vigor físico e irritações na pele. E o pior, pode desenvolver a chamada barriga d’água, que é o acumulo de liquido nos órgãos digestivos, que em casos mais sérios podem gerar tumores e até a morte. Por isso, é fundamental que se o dono opte pela dieta vegetariana, siga rigorosamente as recomendações do veterinário e continue com um acompanhamento.

A falta de alimentos de origem animal fazem falta ao cão mas muito mais aos gatos, pois eles não conseguem produzir a taurina, que é um aminoácido muito importante para a saúde deles. Os cães conseguem obter a taurina a partir da vitamina B6 ou da cistina ou metionina, já os gatos precisam da taurina pronta, caso contrário, podem adquirir sérios problemas de visão e de coração.  Dessa forma, os gatos tem mais dificuldade de se adaptar a essa rotina alimentar, que terá que ser complementada diariamente com suplementos ricos em taurina.

Devido a necessidade de equilíbrio nutricional, seja qual for sua escolha, a melhor forma de garantir uma alimentação correta é o acompanhamento de um veterinário, só ele poderá indicar os tipos de alimentos e a quantidade necessária para manter o seu bichinho feliz e saudável.

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 34928

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...