Home SuperDicas Dicas para quem vai adotar um pet

Neste sábado, 29 de março, das 9 às 15 horas, a Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa) promove mais um encontro para adoção de animais. O local é o de sempre: no bairro da Glória, em frente ao prédio onde funcionava a TV Manchete.

Responsabilidade, comprometimento e muita dedicação. Esta é a base da receita para quem quer adotar um animal de estimação. É preciso dispensar tempo com cuidados na higiene, saúde, alimentação e lazer dos animais.

Para quem pensa em levar um pet para casa, veja algumas dicas da Secretaria de Promoção e Defesa dos Animais do Rio de Janeiro (Sepda):

. Cães e gatos vivem 15 anos em média. Você tem condições de assumir essa responsabilidade ao longo desse tempo?

. Quando o dono do animal precisar se ausentar, deve providenciar os mesmos cuidados de quando o cão ou gato está em sua casa: ou hospedar em uma clínica especializada, ou conseguir algum responsável para tomar conta do mesmo, alimentando-o, passeando, etc. Os animais podem sofrer muito ao ficar sozinho, por isso, é necessário muito cuidado ao se afastar dele.

. Animais precisam conviver com seu dono; não é correto deixá-lo sozinho muitos dias, ou trancá-lo em ambientes fechados da casa. Toda a família deve poder conviver com o animal, ou então não deve ter um.

. Espaços apertados ou correntes que prendam muito o animal pode fazê-lo sofrer graves distúrbios de comportamento, desconforto, atrofia óssea ou muscular, obesidade e depressão.

. Animais não devem ser responsabilidade de uma criança. Se seu filho(a) deseja adotar um cão ou gato, o adulto deve se responsabilizar pelos cuidados do mesmo.

. Caso more em apartamento, verifique com seu síndico se é permitida a presença de animais no condomínio.

. É importante para o animal que ele tenha espaço para brincar e se exercitar, por isso, leve-o para passear regularmente, sempre utilizando coleira e guia, para evitar que seu animal fuja, ou entre em conflito com outros animais.

. Para que o animal esteja sempre saudável, é imprescindível que o dono o leve sempre ao veterinário, e que também receba carinho, atenção e uma alimentação saudável.

. Lembre-se que o animal também vai envelhecer, e que nessa fase de sua vida, os cuidados e atenção devem ser redobrados.

. Abandonar ou maltratar animais é crime. Pena: três meses a um ano de detenção e multa (Lei Federal 9605/98).

Deixe um Comentário

Anuncie grátis!

OS MAIS VISTOS

2 32243

As imagens são vistas com certa frequência nos postes e muros de ruas, praças e avenidas. Normalmente, uma cópia de xerox preta e branco...